Jogo Rápido #29: Sword Art Online 17-18

Como acabar com um anime usando fanservice.

Acho que provavelmente vão me execrar aqui, mas eu tenho que falar. Sword Art Online decaiu muito nesses últimos episódios. O início do arco Alfheim Online veio com uma quebra de ritmo gigantesca comparada ao final de Sword Art Online.

Nos dois episódios somos apresentados ao novo mundo de Alfheim Online, assim como Kirito que recebe o seu tutorial da player Leafa. Na verdade, Leafa é a sua irmã/prima Suguha. Olha que coincidência mais coincidente super legal e criativa hein? Sim, a irmãzinha mais nova de Kirito, que é apaixonada por ele, irá ajudá-lo nesse mundo novo enquanto ele tenta salvar Asuna. Eu pessoalmente não gostei da inserção da irmã dele na história. Veio pra ser uma personagem extremamente apelativa e inserida ali apenas para fanservice mostrando suas coxas e peitos. Afinal não é difícil deixar uma turminha ai feliz com coisas assim. E no mais, vemos toda a repetição do plot da história de Sword Art Online. Leafa irá abandonar o seu grupo para se juntar a Kirito e os dois irão formar uma dupla, assim como aconteceu com Kirito e Asuna em SAO.

Asuna aparece pela primeira vez em Alfheim Online. Ela é mantida presa em uma gaiola no topo da árvore do mundo pelo seu noivo Sugou. Sugou, que na verdade é o “rei das fadas” Oberon, consegue ser o pior vilão possível. É um personagem horrível que tentaram fazer parecer um homem bem cafajeste de uma maneira exagerada. Isso tudo para que no final Kirito pudesse ser o herói e salvasse Asuna das mãos do vilão do mal. Novela das 8 e histórias de princesas mandam lembranças aos produtores de Sword Art Online. Nada poderia estar sendo mais clichê nesse novo arco.

E o pior de tudo é o que eu falei no início do post. A quebra de ritmo que aconteceu na história. A parte final de Swort Art Online foi muita boa e bem emocionante. Vinha em um ótimo ritmo. O primeiro episódio do arco ALO também não ruim. Não tinha a emoção das lutas do final de SAO. Mas todos queriam saber o que iria acontecer quando eles voltassem para o mundo real, o que aconteceu com Asuna e as respostas para outras perguntas até então não respondidas. Mas ai nos deparamos com a inserção de personagens fracos, clichês e cheios de fanservice, enquanto somos jogados em um novo mundo numa repetição do plot da história anterior. Sem contar a parte das coincidências que eu falei. Leafa irá ajudar seu irmão e nenhum dos dois faz a mínima ideia que são eles mesmos lá no mundo de ALO. E é sério, os japoneses tem sérios problemas com incesto. Será que só eu acho ridículo esse negócio de ter uma irmãzinha que fica gemendo e é apaixonada pelo irmão mais velho?

Anúncios

10 comentários em “Jogo Rápido #29: Sword Art Online 17-18

  1. matheus barauna disse:

    nao estou gostando nada desse arco,espero que algo a mais aconteça no decorer para me prender na historia, até que eu gostei da entrada da Suguha, mas pelo amor de deus toda menina de SAO é apaixonada pelo Kirito!

  2. Tomio disse:

    Nossa, tão ruim assim? aueaheuhaehuea

    Achei a saga SAO bem corrida, quiseram resumir as novels em alguns episódios, quiseram focar só nos personagens, e acabaram não apresentando nem a história de forma decente, nem os personagens. Ficou uma porcaria.

    Daí introduziram os fãs pra nova temporada. O primeiro episódio foi empolgante, apresentando tudo novo, dando a perspectiva de mundo real..e agora eles ficam de fanservice? Aff

    E japoneses se casam com personagens de animes e fronhas, então eles aderirem ao incesto chega a ser até o mais “normal” dos costumes deles. XD

    Apesar de não gostar também, devo dizer que no caso de SAO eles são primos, e a “irmã” (no caso prima) aparentemente já sabia desse fato muito antes do Kirito saber, que foi aos 10 anos de idade, então nesse anime isso ainda é aceitável até certo ponto…

    • Nist disse:

      Eu não li as novels. Pelo q deu a entender no anime, ela descobriu que eles são primos enquanto Kirito estava preso no jogo.

      Eu provavelmente exagerei em tudo que falei. Mas sei lá, fiquei meio bravo enquanto assistia. Sem contar que já não gosto de coisas ecchi em geral. Mas o primeiro episódio do arco ALO foi bom sim. Mostrou muito bom o lado humano de Kirito. Ele chorando e tudo mais. E depois isso foi meio que deixado de lado. E agora estão apelando para ceninhas com a irmã dele.

      • Tomio disse:

        Então, eu também não li as noveles, mas pela cena que a tia do Kirito fala deles serem primos, a reação dela foi beeeem morna. Não tô lembrado dos detalhes agora, mas a forma dela responder na cena indicava que ela sabia das coisas até mesmo antes do Kirito,

        E eu também detesto Ecchi. E Moe. São os dois elementos mais abomináveis de animes IMO, e a razão de muita gente detestar, que acabo entendedo no final das contas. O jeito é esperar um Fate/Zero da vida pra daqui uns 5 anos. XD

      • Nist disse:

        Somos dois então que abominam isso. Mas isso vai bem contra a maré. Contra boa parte do público alvo “otaku”. Se formos que é uma forma bem mais fácil de se vender algo. É muito mais facil fazer algo assim para um público que consome esse tipo de coisa independente da qualidade do q fazer uma boa obra com um bom enredo e animação.

        E aqui também o que eu faço não é uma análise embasada da obra e seus aspectos técnicos. Como eu posso dizer, aqui o negócio é meio emotivo. O que eu sinto ao assistir os animes. O que eu achei deles. O porque eu gostei ou não. É mas dar a minha opinião do q fazer uma análise em si. Ai a pessoa decide se ela gostou e vai assistir ou não. Mas ai eu começo a escrever e acabo me empolgando. Eu já estava com texto pronto do episódio 17 pra postar na terça. Mas ai saíram várias notícias e eu acabei perdendo o texto. Ai fiz outro junto com o do episódio 18.

  3. bruno disse:

    Afff… o cara não sabe nem o que está falando dizendo que “Suguha é a irmã do Kirito” Pelo menos leia ou assista a parada direito, falar mal de uma cultura dizendo que você abomina esse “ato” de incesto é problema deles isso é cultural.

    • Nist disse:

      Cara, eu sei que ela não é a irmã. Que é a prima dele. Mas eles foram criados juntos. Ela só descobriu que ele não era irmão dela quando ele já estava preso no mundo de Sword Art Online. Eles foram criados juntos e mesmo depois continuam tendo uma relação de irmãos. São uma família.

      Você precisa de um pouco de interpretação de texto meu amigo. Eu nunca falei mal de cultura nenhuma. Falei que os japoneses têm sérios problemas com esse negócio de incesto. Mas agora se você acha normal, tudo bem.

    • Tomio disse:

      “cultural”? uhaeauheuhaeuhaeuha

      Amigo, isso tem outros nomes, se chama fetiche, fantasia, PROBLEMA. Não é e nunca será “cultura”, caso contrário, não existiriam tantas outras obras abordando o tema de forma séria e delicada, e o principal, o casamento entre membros de primeiro grau de uma mesma família seria aceito no país.

  4. reborn forever disse:

    ESSE ANIME ME DECEPCIONOU BASTANTE ,FAMÍLIA AFF.A PRIMEIRA TEMPORADA FOI FRACA, POUCOS PERSONAGENS E O TEMPO DA HISTORIA PASSAVA RÁPIDO.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s